Álvaro Siza vai representar Portugal na Bienal de Veneza 2016

Projecto de habitação social do arquitecto para a ilha de Giudecca, em Veneza, representa Portugal na edição deste ano, que tem curadoria de Alejandro Arvena, prémio Pritzker de 2016

1026301

Álvaro Siza vai ser o representante de Portugal na próxima Bienal de Arquitectura de Veneza, que decorre de 28 de Maio a 27 de Novembro. A Direcção-Geral das Artes (DGArtes), dirigida por Carlos Moura Carvalho, atribuiu a escolha da participação portuguesa aos curadores Nuno Grande e Roberto Cremascoli, que elegeram como tema o projecto de habitação social que o arquitecto português fez para a ilha da Giudecca, em Veneza, na década de 1980, e que agora vai ser finalizado após vários anos de paragem.

Roberto Cremascoli, arquitecto, colaborador de Siza desde há vários anos, e Nuno Grande, professor, crítico e ensaísta, confirmaram ao PÚBLICO os convites recebidos já no ano passado para a organização da presença nacional na bienal italiana, mas remeteram para a DGArtes mais explicações sobre o processo.

A confirmação oficial da informação que já corre nas redes sociais foi feita ao PÚBLICO pelo ministro da Cultura, este fim-de-semana, no Porto. “Sim, Álvaro Siza vai estar em Veneza; é uma escolha que vejo com belíssimos olhos”, disse João Soares, acrescentando que o actual Governo “agarrou com o maior dos entusiasmos” a decisão avançada pelo anterior executivo.

O ministro da Cultura lembrou, de resto, a “admiração pessoal e a amizade” que o ligam ao arquitecto responsável pela reconstrução do Chiado após o incêndio de 1988: “Trata-se de alguém que conheço muito bem, e com quem tive o privilégio de trabalhar quando fui presidente da Câmara de Lisboa uma vez por semana, pelo menos, durante quase sete anos.”

Álvaro Siza, por seu lado, manifestou ao PÚBLICO o “imenso agrado” com que vai voltar ao seu projecto de Veneza, um complexo de habitação social no Campo de Marte, em frente à Praça de São Marcos, cujo concurso internacional venceu em 1985. “Na altura, e já lá vão mais de 30 anos, foram escolhidos quatro arquitectos”, lembra, referindo-se à distribuição do programa, da responsabilidade do instituto Case Popolari, agora designado Ater Venezia (o equivalente ao português Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana), pelos italianos Aldo Rossi (1931-1997) – o celebrado autor do livro A Arquitectura da Cidade (1966) – e Carlos Aymonino (1926-2010) e pelo espanhol Rafael Moneo.

Os edifícios dos dois arquitectos italianos foram os primeiros a avançar; o de Siza começou só em 2004, “e depois ficou parado, porque o empreiteiro faliu”, recorda; o de Moneo nem sequer chegou a começar.

A proposta de Nuno Grande e Roberto Cremascoli consiste numa instalação audiovisual sobre o projecto de Siza, no interior inacabado do segundo edifício, cuja construção ficou suspensa no tempo. “Foi uma ideia óptima essa de propor à Case Popolari fazer a exposição no rés-do-chão e simultaneamente promover um encontro com as pessoas que já estão a habitar o edifício acabado”, diz Siza, adiantando que esse desafio parece ter levado os responsáveis italianos a retomarem e terminarem a construção. Simultaneamente, também o edifício de Rafael Moneo deverá ser concretizado.

Esta é uma situação com que o arquitecto nascido em Matosinhos em 1933 se tem confrontado inúmeras vezes ao longo da sua carreira. Neste caso concreto, são notórias as semelhanças com o Bairro da Bouça, no Porto, que integrou, logo a seguir ao 25 de Abril de 1974, o programa SAAL, aventura pioneira de habitação social de que Siza foi um dos protagonistas. “Há uma diferença: a Bouça foi parada por uma decisão política”, esclarece o arquitecto, que se manifesta também satisfeito por poder retomar o seu trabalho na área da habitação social.

O projecto de Nuno Grande e Roberto Cremascoli pretende também documentar o regresso de Siza a outros projectos de habitação social realizados noutras cidades europeias, como Berlim e Haia.

fonte: Publico.pt

Comentar artigo

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s